Porto em Ação oferece serviços e cuidados aos caminhoneiros

O Pátio de Triagem do Porto de Paranaguá foi sede nesta quarta-feira (04) da primeira edição do Porto em Ação em 2020. Organizado e coordenado pela empresa pública Portos do Paraná, o evento mensal leva até os caminhoneiros serviços e cuidados com a saúde, vacinação, orientação espiritual e palestras sobre trânsito e segurança.

Para o presidente da Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia da Silva, o projeto é uma oportunidade de orientar os caminhoneiros sobre a segurança e o trânsito nas áreas de descarga. “Mais do que isso, esses trabalhadores vivem em trânsito, nas rodovias, não têm tempo para nada. O Porto em Ação possibilita conceder a eles uma forma de cuidar da saúde, sem ter que parar o trabalho”, explica.

Novidade aprovada pelos caminhoneiros foi o horário ampliado. Antes, a ação acontecia somente no período da tarde. Esse ano, começa sempre 9 horas e segue até 16 horas, o que possibilita a inclusão dos testes rápidos de Sífilis, HIV, hepatite “B” e “C”. Além deles também foi disponibilizado gratuitamente a verificação de pressão e a vacina de sarampo.

Segundo a equipe da 1ª Regional de Saúde do Estado, a alteração de horário fez muita diferença. Ao todo, 132 testes rápidos foram aplicados. Mesma impressão tiveram os profissionais da Secretaria de Saúde do Município de Paranaguá, que vacinaram cerca de 70 caminhoneiros.

Mirian Gomes de Souza, Guarda Civil municipal, que trabalha na Superintendência Municipal do Trânsito, no setor de Educação para o Trânsito, observou que o maior tempo de atendimento foi o grande diferencial dessa 1ª edição de 2020.

“Mais caminhoneiros tiveram possibilidade de ser atendidos. Para nós também foi bom, nos dividimos, uma equipe veio pela manhã e outra à tarde. Vale ressaltar também o crescimento no número de entidades envolvidas, é esse trabalho conjunto que vai fazer com que o trânsito de Paranaguá melhore para todos: caminhoneiros, pedestres, ciclistas e moradores em geral”, afirmou Mirian.

APROVAÇÃO – O caminhoneiro Marcelo Mayeski, que trouxe farelo de soja de Ponta Grossa, fez todos os exames disponíveis. “Perfeita essa ação, é a primeira vez que participo, feliz por todos os exames darem negativo. A vacina de sarampo também foi bem-vinda, era a única desatualizada na carteirinha”, comemorou Mayeski.

Marcos Rogério Breixó, que veio de Paissandu com soja, também aprovou o Porto em Ação. ‘É muito bom, só lamento não encontrar o mesmo serviço disponível em outros portos. É disso que nós caminhoneiros precisamos. Na nossa profissão é impossível parar, quem teve essa iniciativa com certeza conhece nossa rotina”, salientou Breixó.

PARCEIROS – Participaram dessa edição do projeto, junto com a Portos do Paraná, a Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal, Secretaria Municipal de Trânsito, Secretaria Municipal de Saúde, Guarda Civil Municipal, Guarda Portuária, Centro de Assistência Social Esperança (Case), Cia Ambiental, 1ª Regional de Saúde do Estado do Paraná e Ouvidoria da Portos do Paraná.

Fonte: Portos do Paraná

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email
  • Cotações do dia